Como Preparar um Currículo Atrativo



O Currículo ou CV é o documento de marketing que conta de maneira objetiva a vida de um profissional, no caso a sua vida profissional!


Existe sim uma receita de bolo, porém você pode adicionar novos ingredientes, mas seja cauteloso e antes de fazer, verifique o perfil da empresa a qual está se candidatando.


É possível navegar nas redes sociais (LinkedIn por exemplo) e encontrar posts de Especialistas em carreira falando sobre o assunto, porém não me recordo de falarem especificamente para o público de Compras, Suprimentos & Procurement. Então, o que irei demonstrar neste texto está baseado em solicitações que recebo de Gestores da Área e alguns Headhunters, para ajudá-los na captação de CV’s e seleção de profissionais.


Como redigir um bom currículo


1. Escolha o melhor formato:


Especialistas dizem que demoram até 30 segundos para examinar um CV, antes de decidirem rejeitá-lo ou ir adiante com o candidato;


Avalie qual é o tipo de empresa que gostaria de trabalhar e elabore o documento com layout aderente a cultura e valores da empresa. Na dúvida, opte pelo modelo tradicional (baixe o template);


Cuidado com layout estilo infográfico e/ou tabela. Hoje empresas usam ferramentas para capturar as informações do CV e muitas delas não reconhecem as informações, o que pode dificultar a análise do recrutador e te eliminar do processo.


2. Informações de contato:


Coloque somente as informações básicas, como Nome, local onde reside e se tem disponibilidade para mudanças, telefone (preferência celular com app de mensagens instantâneas), endereço de e-mail e perfil do LinkedIn;


Evite colocar foto, idade, estado civil, CNH, endereço completo etc. Esses dados são considerados sensíveis (visto a Lei da LGPD - Lei Geral de Proteção de Dados, que visa proteger seus dados) e não são necessários neste momento. A ideia é que o recrutador faça a análise de seu perfil profissional. A Especialista em RH & Carreira Andréa Greco, fala muito sobre isso em suas redes sociais. Vale a pena acompanhar as suas dicas!


3. Objetivo:


Informe o cargo correspondente à posição aberta. Ex: Comprador Sênior, Gerente de Compras, Analista de Suprimentos Junior, Analista de Contratos Pleno, Coordenador de Compras, etc;


Evite colocar: Atuar na Área de Compras, Administrativa, Facilities e/ou Logística.


4. Resumo:


Escreva um texto breve sobre sua carreira profissional, mencionando as soft skills (habilidades comportamentais) & hard skills (habilidades técnicas). Não sabe quais são as habilidades mais exigidas em um profissional? Acompanhe os eventos da área, entrevistas, webinars, lives, pois sempre tem Executivos comentando sobre o que eles esperam de um profissional.


5. Histórico profissional:


Numa ordem cronológica (do mais novo para o mais antigo), nome da empresa, período em que trabalhou e cargo(s), mencione as categorias/segmentos de compras que comprou, destacando as entregas relevantes e o que elas geraram de impactos na empresa, Qual Spend (gasto), Budget (orçamento) gerenciado;


Dica: Evite usar o hífen na frente dos parágrafos, escreva de forma objetiva e fácil entendimento e em 1ª pessoa. Atenção com palavras em inglês (Strategic Sourcing, Spend, RFx, Budget, Saving…) e siglas/abreviações (KPI’s, CBD, ABC, ASAP, RFi, RFp…), use com moderação, e quando usar, tenha certeza de que sabe o significado.


6. Formação:


Graduação(ões), Especialização(ões), Idioma(s);


Não coloque: Inglês/espanhol básico. Considere a partir do intermediário, seja para conversação, leitura e escrita.


7. Eventos, cursos e outros conhecimentos:


Descreva os cursos e eventos que já participou, que ferramentas já trabalhou/tem experiência;


Atenção: Se você está desempregado há bastante tempo, procure manter-se atualizado, participando de eventos on-line, que na maioria das vezes são gratuitos e alguns oferecem certificado de participação;


Cursos somente com 10 anos para cá, ou seja, cursos a partir de 2011 você pode destacar no seu currículo;


Se candidatando as vagas


Você preparou o CV, está formatado e pronto para começar a divulgar, certo? Errado!


a) Antes de enviar o currículo, certifique-se de que o que está escrito está aderente ao perfil da vaga requisitado pela empresa/recrutador;


É muito provável que não, e você deve ajustá-lo, adicionando as informações que não tinha dado enfoque, além de ajustar/adequar o objetivo ao que estão solicitando;


Atenção: Não envie o currículo para uma vaga de Coordenador de Compras, sendo que o documento que foi preparado reflete a uma posição/perfil de Comprador Sênior, por exemplo.


b) Tenha versões diferentes salvas, no computador e principalmente no smartphone. Nunca se sabe quando um recrutador poderá te contatar e pedir para enviar o CV. E eles podem te acionar depois do horário comercial e aos finais de semana, por telefone (ligação ou WhatsApp), e-mail ou no próprio LinkedIn;


c) Tenha versões em formato PDF e Word. Alguns recrutadores preferem em word, pois enquanto estão conversando contigo, já vão fazendo anotações no próprio documento;


Dica: Salve o arquivo com o seu nome e cargo pretendido. Ex: CV_andrelima_comprador_senior.doc. Lembre-se que muitos profissionais se candidatam a mesma vaga, e se o arquivo não estiver nomeado, é possível que ele se perca. Especialistas dizem que um bom CV deve ter entre 2 e 3 páginas, no máximo;


d) Ao enviar o documento, por e-mail, descreva no campo assunto o seu nome e o nome da vaga para qual está se candidatando. Ex: mantenha o padrão da informação, como no item c);


Só envie o CV por e-mail quando lhe for solicitado, ou quando o recrutador disponibilizar o seu endereço de e-mail. Evite “panfletar”;


Escreva um breve texto, para acompanhar o seu CV. Ex: Boa tarde Recrutador, conforme solicitado ou conforme divulgado nas redes, encaminho meu CV para a oportunidade “nome da vaga”, Atenciosamente, coloque seu nome e telefone;


Atenção redobrada com endereços pessoais (@hotmail.com, @gmail.com, etc), e principalmente links compartilhados em grupos (WhatsApp, por exemplo). A maioria das empresas disponibilizam suas oportunidades no próprio site, no LinkedIn, rhnossa, vagas.com, roberthalf, michaelpage, randstad, Page Personnel, Gupy, entre outros.


LinkedIn


O LinkedIn é uma baita ferramenta de relacionamento profissional, é GRATUITA, e pouco explorada pela maioria dos profissionais, por ainda acharem que ela é uma rede de busca de emprego. Grave engano quem ainda acha isso!


Mas para usá-la da melhor maneira é necessário dedicação, a começar por importar as informações de seu CV na plataforma, porém aqui, você tem a oportunidade de escrever com mais detalhes, marcar pessoas, anexar cases, solicitar referências/recomendações, etc.


Se você quer resultados na ferramenta, já lhe adianto que não é fácil, exige tempo e dedicação, principalmente quando falamos de construir relacionamentos - networking.


O LinkedIn possui tantos recursos bacanas, que irei pensar num texto para ajudá-los a otimizar o seu perfil e deixá-lo como a plataforma diz, “campeão”.


Até a próxima!


Escrito por André S. Lima | 14/08/2021