top of page

Vida de Comprador: 4º Pilar - Gestão



Ensinamento: O segredo dos bons resultados está na eficiência da Gestão – Ocimar Lucato Palavras chaves: Direção, Administração, Comando, Condução, Governança, Gerência, Leme, Rédea. Nesse pilar eu quero destacar alguns tipos de gestões que são importantes que a gente desenvolva. Gestão, é a que une curto, médio e longo prazo, fazendo com que as ações que tomamos contribuem para o desenvolvimento da companhia para o caminho certo.

Jean, mas você está falando de Gestão de Compras? Também! Mas vamos assumir que uma “Gestão de Compras” de qualidade é a junção de todos os pilares que eu estou apresentando aqui. Hoje, eu quero destacar outros tipos: Gestão de Fornecedor: A fase de seleção e avaliação daqueles que você vai chamar de parceiros. Mas não basta somente selecionar. É preciso um acompanhamento, controle e monitoramento de todas as atividades. Aqui além da gente conhecer os pontos fortes, a gente também reconhece os pontos fracos e dá informações e ferramentas suficientes para o fornecedor melhorar e com isso atender nossos requisitos. Gestão de Contratos: Se você está achando que aqui consiste apenas em monitorar prazos e vencimentos, está enganado. A maior importância da gestão de contrato é diminuir os riscos, ter clara e padronizada as tarefas e ações, controle eficiente das relações profissionais estabelecidas no negócio e organização dos documentos que comprova todos os cumprimentos. Gestão de Mudança: Tem uma área que sofra mais mudanças em um curto prazo de tempo do que Compras? Talvez eu diga que não, pois, sempre trabalhei com isso. Mas aqui a gente trata a forma que vamos lidar com as resistências, confusões, estresses, atrasos e fracassos diários. É não estamos falando da forma de comunicação que é usada. A gente trata do apoio as pessoas envolvidas enquanto está acontecendo essa fase de transição. Gestão de Tempo: Tempo é dinheiro e isso ninguém vai negar. A gestão de tempo em Área de Compras é um conjunto de técnicas e estratégias que utilizamos para aprimorar nossas tarefas do dia a dia, de modo que a gente consiga ser mais produtivo e eficientes. Não é fazer muito em menos tempo. É fazer bem e evitar o retrabalho. Gestão de Crise: Aqui são os problemas inesperados. Essa gestão está coladinha com a gestão de mudanças. Apesar de serem coisas diferentes, pois, nem sempre toda mudança é negativa, elas acabam andando juntas. Agora estamos falando em coisas negativas. São aqueles problemas que comprometem a entrega do projeto de forma definitiva ou longa, um prejuízo financeiro ou até de reputação e vai precisar de uma tomada de decisão rápida. Aqui não dá para esperar muito. Como eu sempre gosto de terminar os artigos com perguntas para gerar reflexões. Aqui vão algumas: O que vem na sua cabeça quando pensa em Gestão? Você tem sido Gestor da sua carreira?




Texto escrito por Jean Durval | 03/10/2022 (originalmente publicado no Linkedin)

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Café com Comprador e de seus editores.

Comments


bottom of page