top of page

Farol APX: Análise do Mercado (28 de novembro a 2 de dezembro de 2022)


Semana 48


A APX ENERGY BRAZIL, em parceria com o Café com Comprador, desenvolveu o “Farol APX”. Trata-se de uma ferramenta criada ao profissional de compras estratégicas, que possui a necessidade de estar bem informado e embasado em suas negociações corporativas.


O farol APX, visa munir e atualizar, os profissionais que necessitam de dados práticos e objetivos, que possam ser analisados e compreendidos num curto espaço de tempo, pois sabemos que o tempo está cada vez mais escasso e com base nisso, criamos esta ferramenta para servir de apoio nas tomadas de decisões do dia a dia.


1. RESUMO DO MERCADO


1.1 IBOVESPA

Gráfico 1: Variação do Ibovespa na semana. Fonte: B3. Gráfico APX.


Ibovespa encerra a semana 48 em alta.


Juros da economia norte-americana podem desacelerar e PEC da Gastança chega ao Senado. Cotado em quase 112 mil pontos, o Ibovespa terminou o pregão desta sexta-feira, 2, com alta próxima de 1%.


Desse modo, o principal índice da Bolsa de Valores do Brasil (B3), encerra a semana com ganhos de quase 3%. A alta do Ibovespa durante a semana ocorreu em meio à entrega da PEC da Gastança ao Senado e à sinalização de que a elevação dos juros da economia norte-americana deve diminuir de ritmo.

Fonte: Revista Oeste


1.2 CÂMBIO

Gráfico 2: Variação cambial na semana. Fonte: BC. Gráfico APX.


Dólar fecha em leve alta, mas acumula queda firme na semana.


O mercado de trabalho pujante dos Estados Unidos em novembro abriu espaço para uma nova rodada de valorização do dólar, especialmente em relação a divisas de mercados emergentes. O exterior como base, a moeda americana se ajustou em alta contra o real. O dólar terminou a sexta negociado a R$ 5,2152 no mercado à vista, em alta de 0,36%, mas acumulou queda de 3,61% na semana. Finaliza o dia na média de R$5,20.


O pregão foi marcado pela baixa liquidez. O volume financeiro do contrato futuro de dólar para janeiro somou aproximadamente R$ 49,4 bilhões até 17h, enquanto o giro foi de cerca de 189 mil contratos, níveis abaixo da média recente. No mercado doméstico, os agentes financeiros seguem atentos às discussões sobre a PEC da transição.

Fonte: Valor Pro


2. ENERGIA


2.1 PETRÓLEO

Gráfico 3: Variação Petróleo Brent na semana. Fonte: Investing. Gráfico APX.


Semanal: Petróleo fecha em queda com reunião da Opep+ e acordo da União Europeia.


Os contratos de petróleo encerraram a sessão desta sexta-feira em queda, enquanto investidores aguardam a reunião da Opep+, que acontece em 4 de dezembro, e avaliam o acordo da União Europeia (UE), concretizado hoje, que concordou em limitar os preços do petróleo russo.

Fonte: Valor Pro

Gráfico 4: Variação Petróleo Brent de 2019 a Novembro de 2022. Fonte: Investing. Gráfico APX.


Anual: A média 2022 permanece acima dos $100 com alta de 41,6% x 2021.


Gráfico 5: Forecast com Foto diária dos contratos futuros de 28.Nov a 02.Dez de 2022


Forecast: O Forecast para 2023 considerando a foto dos contatos futuros na semana 48 ficou em $84,65 por barril. Aumento de 1,41% em relação ao forecast da semana anterior. Fonte Forecast: Investing & APX.


2.2 GÁS NATURAL – EUROPA

Gráfico 6: Variação Gás Natural Europa na semana. Fonte: Investing. Gráfico APX.


Europa reduz demanda de gás em um quarto para eliminar dependência da Rússia.


Os países da UE reduziram a demanda por gás em um quarto em novembro, mesmo com a queda das temperaturas, na mais recente evidência de que o bloco está conseguindo reduzir sua dependência da energia russa desde a invasão da Ucrânia em grande escala por Moscou.


Gráfico 7: Variação Gás Natural na Europa - mensal. Fonte: Investing. Gráfico APX.


Dados provisórios da empresa de análise de commodities ICIS, mostraram que a demanda por gás na UE ficou 24% abaixo da média de cinco anos no mês passado, após uma queda semelhante em outubro.


Gráfico 8: Variação Gás Natural Europa 2021 x 2022. Fonte: Investing. Gráfico APX.


Os países europeus têm tentado reduzir sua dependência do gás e do petróleo russos, encontrando fontes alternativas ou fazendo mudanças para reduzir a demanda.

Fonte: Finance Times - Gráficos (Investing com edição APX).


Indicamos também ao profissional de compras, que monitore as variações dos índices de mercado, publicados no Boletim Focus pelo banco Central toda segunda-feira.

O documento apresenta dados que servem de termômetro aos agentes do mercado e que irão impactar com certeza as nossas negociações.


Em breve publicaremos um artigo orientando os colegas a realizarem a leitura correta dos boletins e assim, seguirmos com a nossa missão de orientar e trazer informações relevantes à comunidade do Café com Comprador!


BOLETIM FOCUS – SEMANA 48


Para 2023, o mercado projeta uma Selic de 11,75% no fim de 2023, 0,25 ponto porcentual a mais do que na semana passada e 0,5 ponto porcentual a mais do que há quatro semanas. Para 2022, os analistas projetam que a dívida líquida do setor público atinja 57,7% do PIB, mesmo patamar da semana e inferior à projeção de quatro semanas atrás (58,45% do PIB). Já para 2023, a projeção era de 61% há uma semana e agora é de 61,5% do PIB.

Fonte: BC


As edições anteriores do Farol APX, estão disponíveis no site - www.apxenergy.com.br além de várias outras informações do mercado de combustíveis.


Acesse também o site do Café - www.cafecomcomprador.com.br e tenha acesso a centenas de conteúdos preparados com muito carinho e atenção ao profissional de compras.




Texto escrito por Alex Ponce | 07/12/2022, fundador da APX Energy , com página no Instagram @apx_energy_brazil e é colunista do Café com Comprador.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Café com Comprador e de seus editores.

bottom of page